O beijo da morte


    Jemma Benjamin, 18 anos, elegeu o colega de universidade Daniel Ross, de 21, para dar o primeiro beijo na boca da vida, marcando o início do namoro dos dois. Só que minutos depois do beijo, a jovem tímida morreu de forma fulminante no sofá da casa de Daniel, em Treforest (Inglaterra). 

    A jovem, que praticava natação e era uma atleta exemplar do time de hóquei da universidade, não sabia sofrer de uma condição cardíaca rara - síndrome da morte súbita por arritmia. Daniel chamou socorro e tentou reanimar a namorada, mas não obteve sucesso. Os médicos disseram que ele nada podia fazer. 

    O casal se conhecia há três meses e o primeiro beijo era muito aguardado. Jemma não tinha histórico de problemas cardíacos, segundo reportagem do "Daily Mail". O caso aconteceu em 2009, mas os detalhes só foram revelados agora pelo inquérito que apurou a morte.